Mostrar mensagens com a etiqueta maquinas de guerra. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta maquinas de guerra. Mostrar todas as mensagens

segunda-feira, 28 de junho de 2021

Submarino “Belgorod”, equipado com armas capazes de provocar tsunamis", já navega

O novo submarino russo, equipado com drones nucleares capazes de derrubar um porta-aviões e causar tsunamis navegou pela primeira vez. Acredita-se que o “Belgorod” é o maior submarino construído nos últimos 30 anos

O enorme navio, capaz de afundar porta-aviões e apelidado de 'assassino da cidade', navegou em águas abertas pela primeira vez.



Submarino-Belgorod
Photo//Oleg Kuleshov / TASS


Presidente Putin declara "Os Anunnaki são mais perigosos que Niribu"


Foi lançado ao mar nesta semana, enquanto a Rússia flexionava seus músculos navais, após o incidente com o contratorpedeiro britânico “HMS Defender” no Mar Negro.

Tiros de advertência e bombas foram lançados perto do navio da Marinha Real depois que a Rússia alegou que ele estava nas suas águas territoriais.

Especialistas temem que os torpedos de 22 metros, batizados de Poseidon, possam ser detonados debaixo de água para causar um tsunami radioativo.



O impacto devastador ameaçaria as cidades costeiras com ondas de até 90 metros de altura.

A enorme embarcação é supostamente operada em nome da secreta Diretoria Principal de Pesquisas Submarinas da Rússia, e é considerado fundamental para a operação de recolha de inteligência do país.

Relatórios também afirmam que o submarino está equipado com seis torpedos com armas nucleares, cada um capaz de transportar ogivas com um poder explosivo de dois megatons.

É equivalente a dois milhões de toneladas de TNT, ou 130 vezes mais poderoso do que a bomba de Hiroshima.

O Dr. Sidharth Kaushal, do Royal United Services Institute, disse que a frota de UUVs pode ser valiosa para o presidente Putin.

Ele afirmou no Mail Online: "O “Belgorod” é grande o suficiente para atuar como um navio-mãe para um conjunto único de embarcações menores que têm capacidades de mergulho profundo e a capacidade de adulterar a infraestrutura submarina”.



Está bem equipado para sabotagem e operações clandestinas. Seus torpedos nucleares Poseidon também poderiam ser um meio muito eficaz de atacar um porta-aviões em tempo de guerra, um contra o qual atualmente não existe defesa”.

O “Belgorod” não fará parte da Marinha Russa, o que significa que suas ações secretas e agressivas serão efetivamente negadas”.

"O submarino parece preparado para uma guerra não atribuível das Forças Especiais, com seus comandantes respondendo diretamente à liderança [política] e contornando a estrutura de comando naval russa."



O problema ocorre depois que o HMS Destroyer ter recebido "tiros de alerta" por navios da marinha russa na quarta-feira.

As cenas dramáticas viram relatos de bombas perto do navio como um aviso quando ele passou por águas disputadas.

Sergei Ryabkob, vice-ministro das Relações Exteriores da Rússia, advertiu que o país defenderá suas fronteiras usando "todos os meios possíveis".


O que as maiores mentes do mundo pensam sobre energia nuclear



Referencia//Daily Star

quinta-feira, 18 de março de 2021

China vende drones armados para países em todo o mundo

O negócio dos drones de combate está crescendo na China, onde a Aviation Industry Corp (AVIC) estatal tem feito um grande sucesso vendendo seus drones de combate fortemente armados para países em todo o mundo.

Nos últimos anos, a AVIC vendeu centenas do seu modelo Wing Loong II, o nome do dinossauro “Pterodactyl” , que transporta uma dúzia de mísseis, para 16 países, incluindo Nigéria, Emirados Árabes Unidos, Egito e Arábia Saudita, relata a Bloomberg . 


drone-de-combate
Photo//radiocacula

O 'Relógio do Juízo Final' está mais perto da meia-noite do que nunca


Embora as empresas americanas ainda dominem as exportações globais de drones militares, a proliferação de drones de combate chineses parece estar provocando uma corrida armamentista global que resulta em mais máquinas de guerra voando em todo o mundo.

“A China está disposta a exportar drones armados para quase qualquer pessoa”, disse a colega de política do Conselho Europeu de Relações Exteriores, Ulrike Franke, à Bloomberg .



Argumento de Venda

Os drones Wing Loong II explodiram em popularidade porque são cerca de 15 vezes mais baratos do que os drones americanos semelhantes, e a China não parece se importar como eles são usados ​​quando são comprados por outro país, de acordo com a Bloomberg .

Talvez os drones chineses não sejam tão bons quanto os americanos”, Pawel Paszak, diretor do programa China Monitor do Instituto de Varsóvia. “15 drones em vez de um, e sem qualquer alarido sobre os direitos humanos? Esta é uma boa oferta. ”



Corrida Global

O governo chinês negou a ideia de que está alimentando uma corrida armamentista global, mas Bloomberg aponta que países como Rússia, Japão, Coreia do Sul e Turquia estão aumentando sua própria produção de drones militares em resposta ao recente aumento das exportações da China.

A proliferação de drones armados é inevitável por causa das exportações chinesas”, disse o cientista político Michael Horowitz da Universidade da Pensilvânia à Bloomberg .

Os Estados Unidos ainda lideram o comércio global de drones militares, e a AVIC está atrás de cinco empresas americanas no total de vendas de armas militares, mas o fato é que a empresa está colocando essas máquinas em mais mãos do que nunca.


Dez ameaças á sobrevivência da humanidade



Referencia//Futurism