terça-feira, 18 de janeiro de 2022

Ferry "Soleil" fez primeira viagem autónoma, no Japão

No que está sendo descrito como o primeiro do mundo, um ferry de transporte de veículos de 222 metros (728 pés) navegou de forma autónoma ao longo de 240 km (149 milhas) do Mar de Iyonda, no Japão. A embarcação até realizou os procedimentos de atracação por conta própria.

Ocorrida nesta segunda-feira (17/01), a demonstração do projeto Smart Coastal Ferry incorporou tecnologia desenvolvida pela Mitsubishi Shipbuilding Company e pela Shin Nihonkai Ferry Company, que foi utilizada no ferry “Soleil” . O projeto dp navio, por sua vez, faz parte do projeto maior de desenvolvimento de navegação autônoma de navios Meguri 2040 da Fundação Nippon.



Ferry-autonomo-soleil
Photo//Mitsubishi Heavy Industries

Reação de fusão gerou mais energia do que a absorvida pelo combustível


O “Soleil” entrou em serviço em 1º de julho do ano passado,  com tripulação. Como repetidamente fez a viagem de 240 km/7 horas entre as localidades de Shinmoji e Iyonada, seu sistema de navegação autônomo Super Bridge-X compilou dados sobre a rota. A viagem desta semana foi a primeira realizada exclusivamente por esse sistema, que levou o ferry a uma velocidade máxima de 26 nós (30 mph ou 48 km/h).



Juntamente com a funcionalidade GPS, o sistema de navegação também utiliza uma série de câmaras infravermelhas para detestar e evitar outros navios (dia ou noite), um sistema de monitoramento do motor para garantir que as coisas continuem funcionando sem problemas e um sistema automatizado de atracação/desatracação. Este último vira e inverte a embarcação, permitindo-lhe atracar e desembarcar nos dois portos.



A Mitsubishi afirmou que o desenvolvimento de tais tecnologias deve ajudar a aumentar a segurança marítima, reduzir os requisitos de mão de obra da tripulação e reduzir os custos operacionais. Demonstrações de outros grupos membros do Meguri 2040 acontecerão ao longo de janeiro e março.


Especialistas dizem que a fusão nuclear está iminente



Referencia//NewAtlas

Sem comentários:

Enviar um comentário