sábado, 25 de setembro de 2021

Pilula para tratar o Covid-19 pode estar pronta ate o fim do ano

Os investigadores estão desenvolvendo uma pílula que dizem poder permitir que as pessoas tratem elas próprias o COVID-19 enquanto limita sua transmissão para outras pessoas, e pode estar pronta no final do ano.

Três tratamentos antivirais para a doença estão atualmente em testes clínicos, de acordo com a NBC . O tratamento em si provavelmente seria um regime de pílulas diárias tomadas por via oral que combatem a COVID logo após o diagnóstico. Esses tratamentos funcionariam de forma semelhante aos antivirais usados ​​para combater infeções por hepatite C, HIV e influenza, interrompendo a capacidade do vírus de se replicar no corpo humano.


Pilula-
Photo//Futurism


Cientistas russos criam cura universal para o câncer



Os resultados dos testes podem chegar logo no outono ou inverno.

Acho que teremos respostas sobre essas pílulas nos próximos meses”, disse Carl Diefenbach, diretor da divisão de AIDS do Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infeciosas, à NBC.



Os três medicamentos que poderiam oferecer um tratamento oral para COVID são um tratamento da Merck & Co. e Ridgeback Biotherapeutics, um da Pfizer e outro da Roche e Atea Pharmaceuticals.

Se os resultados do teste forem positivos, o uso de emergência provavelmente será concedido e "a distribuição pode começar rapidamente", disse Dieffenbach à NBC.



Um contratempo que os investigadores por trás dos testes têm encontrado é o recrutamento de participantes dispostos a tomar os medicamentos, de acordo com a NBC. Cada ensaio requer centenas de participantes em cinco dias após o teste positivo para COVID. Os pacientes também não poder ser vacinados e estar dispostos a se inscrever nos estudos.

De modo geral, há muita desconfiança sobre o processo científico”, disse a Dra. Elizabeth Duke, investigadora que supervisionou um dos testes. “E algumas pessoas estão dizendo coisas desagradáveis ​​para os estagiários.”


 

Apesar disso, os testes estão em vias de terminar no final do ano. Esperançosamente, com autorização de emergência, isso significa que os comprimidos logo estarão amplamente disponíveis e ajudem a combater a pandemia para sempre.


Substituir o sal na comida, pode salvar milhões de vidas



Referencia//Futurism

Sem comentários:

Enviar um comentário