segunda-feira, 8 de março de 2021

Meteoro explode sobre Vermont com a força de 200 kg de TNT

Um meteoro cruzou o céu noturno sobre Vermont no domingo (7 de março), criando um show de luzes espetacular e causando estrondos que sacudiram a Terra ao explodir na atmosfera.

O meteoro passou pela atmosfera com uma força explosiva equivalente a 200 kg de TNT, sugerindo que o meteoro tinha provavelmente 4,5 kg e 15 centímetros de diâmetro, de acordo com o Meteor Watch da NASA .


Meteror
Photo/7Pixabay//alexantropov86


Cientistas do Mit criam sistema para as ameaças de asteroides


A rocha espacial atingiu a atmosfera a cerca de 68.000 km / h, de acordo com a NASA. Apareceu na parte norte do estado como uma bola de fogo brilhante às 17:38 EST, pouco antes do pôr do sol.

A estação de notícias local WCAX3 relatou ligações de todo o estado após o evento, tendos os habitantes descrito como um "estrondo alto e vibração do corpo" quando o meteoro passou por cima.



Tive a sorte de ouvir e ver isso perto do rio Missisquoi no Missisquoi Wildlife Refuge em Swanton, VT, pouco antes do pôr do sol”, escreveu Chris Hrotic, um comentador no post inicial da NASA sobre o evento . "Não foi relatado nenhum estrondo alto, mas um som acelerado que me fez olhar para cima no momento certo. Foi extremamente brilhante e absolutamente espetacular!"

Com base em relatos de testemunhas oculares, a NASA estima que a bola de fogo apareceu pela primeira vez 84 km sobre a Floresta Estadual de Mount Mansfield, a leste de Burlington, a maior cidade do estado. Em seguida, prosseguiu 53 km para nordeste em direção à fronteira canadense, desaparecendo ao sul da cidade de Newport.

 



De acordo com a NASA, a onda de choque foi resultado da fratura do meteoro devido à pressão atmosférica. À medida que o pedaço do tamanho de uma pequena bola se deslocava a quase 55 vezes a velocidade do som através da atmosfera, a pressão acumulou-se na frente dele e formou-se um vácuo atrás dele. Eventualmente, o stress desse diferencial fez com que a rocha explodisse.


NASA vai tentar redirecionar um asteroide


Referencia//LiveScience




Sem comentários:

Enviar um comentário