quinta-feira, 10 de dezembro de 2020

Ocean Cleanup limpa os rios mais poluentes do mundo

Embora a The Ocean Cleanup já esteja precedendo á remoção de resíduos plásticos dos oceanos e o transformando-os em produtos de consumo, a organização sem fins lucrativos também possui um pequeno número de embarcações fluviais que enfrentam o problema da poluição plástica na sua origem. 

Agora a organização vai aumentar a produção desses "Interceptors", tendo em vista os milhares dos rios mais poluentes do mundo.


Interceptor
Photo//The Ocean Cleanup


Foi desenvolvido um catalisador que transforma CO2 em têxteis


A Ocean Cleanup tem atualmente três “Interceptors” recolhendo resíduos plásticos de rios na Malásia, Indonésia e República Dominicana. Um quarto está pronto para funcionar no Vietname, mas sofreu atrasos e deve ser lançado no início do próximo ano.

Os “Interceptors” são ancorados ao leito do rio e usam uma longa lança flutuante para guiar o lixo plástico para uma abertura na frente e para uma correia transportadora que move o lixo para um monte em lixeiras. Sensores a bordo alertam os operadores locais quando as lixeiras precisam ser esvaziadas e, em seguida, o lixo plástico é encaminhado para as instalações locais para processamento.



A Ocean Cleanup usou dados dessas operações piloto para informar o projeto da próxima onda de “Intereceptors”, com atualizações para o transportador, transporte, lixeiras e barcaças, todos sendo incorporados ao projeto de terceira geração.

Foi feita uma parceria com a Konecranes para preparar a expansão global do projeto “Interceptor”. A instalação MHE-Demag da empresa em Klang, Malásia, já está trabalhando no quinto e no sexto removedores de lixo do rio, estando a conclusão prevista para maio de 2021. A Konecranes terá a seu cargo a construção, instalação e manutenção dos futuros navios, havendo parceiros locais supervisionando as operações .



"No final de um ano muito desafiador, estou feliz em ver o início da produção em série do “Interceptor", disse o CEO da The Ocean Cleanup, Boyan Slat. "É um passo necessário para enfrentarmos o fluxo global de poluição de plástico para nossos oceanos. Acredito que a Konecranes é adequada para o trabalho e estamos ansiosos para vê-los construindo muitos outros “Interceptors” nos próximos anos. Fico agradecido pelo seu compromisso com a limpeza dos oceanos. "


A poluição do ar é uma 'pandemia silenciosa' mais perigosa do que os vírus:


Referencia//The Ocean Cleanup




Sem comentários:

Enviar um comentário