domingo, 23 de agosto de 2020

Hyperion XP-1, o automóvel a hidrogénio com autonomia de 1.635 Km.

O novo Hyperion XP-1 promete uma autonomia de 1.635 quilómetros. O automóvel vai dos 0 aos 100 km/h em menos de 2,2 segundos e atinge a velocidade de 356 km/h.
A fabricante norte-americana Hyperion divulgou imagens do protótipo do seu novo modelo, o XP-1. Este automóvel, movido a hidrogénio, deverá ter uma autonomia de 1.635 quilómetros e atingir os 356 quilómetros por hora. Segundo a Hyperion, este é o resultado de dez anos de trabalho, investigação, desenvolvimento e testes de uma equipa de mais de 200 engenheiros.




Os sistemas de armazenamento de hidrogénio serão feitos de fibra de carbono e alimentarão uma célula a combustível que produz energia elétrica para movimentar o veículo. A fabricante não revela a quantidade de hidrogénio que o carro vai armazenar para conseguir esta impressionante autonomia.
O XP-1 irá fazer dos 0 aos 100 km/h em menos de 2,2 segundos. O modelo é equipado com uma transmissão de três velocidades, algo que, é pouco vulgar em veículos elétricos.


Exteriormente, o veículo será produzido com materiais como titânio e fibra de carbono. As portas são de abertura tipo asa de gaivota e o para-brisas funciona como tejadilho. No interior, o XP-1 vem equipado com um painel de 98 polegadas, que será comandado por gestos.






A Hyperion afirma que o XP-1 “fornecerá desempenho de topo de forma consistente e confiável em sessões de condução prolongadas” na estrada e em pista. O seu peso é de apenas 1.032 quilogramas o que torna a sua condução bastante suave e rápida.
O automóvel vem ainda equipado com painéis solares articuláveis que seguem a posição do sol. No entanto, os painéis solares não são suficientes para produzir uma grande quantidade de energia.

Engenheiros criam um sistema que fornece eletricidade sem fio para objetos em movimento



Referencia//New Atlas


Sem comentários:

Publicar um comentário