quarta-feira, 6 de maio de 2020

Criado protótipo de motor 'Air Plasma' que funciona sem combustíveis fósseis


Um grupo de cientistas criou um protótipo de um motor a jato que funciona sem o uso de combustíveis fósseis, potencialmente abrindo caminho para viagens aéreas sem emissões CO2.
O dispositivo comprime o ar e ioniza-o com micro-ondas, gerando plasma que o impulsiona para a frente, de acordo com pesquisa publicada terça-feira na revista AIP Advances



motor-jato
Photo//Airway

Nova vela solar da NASA pode mudar os voos espaciais para sempre



Isso significa que os aviões poderão um dia voar usando apenas eletricidade e o ar que os rodeia como combustível.
Há um longo caminho a percorrer entre um protótipo de prova de conceito e a instalação de um mecanismo real. Mas o protótipo foi capaz de lançar uma bola de aço de um quilograma no ar 24 milímetros, o que é o mesmo impulso, proporcional à escala, de um motor a jato convencional.
"Os resultados demonstraram que um motor a jato baseado em plasma de ar de micro-ondas pode ser uma alternativa potencialmente viável ao motor a jato de combustível fóssil convencional", disse o investigador e engenheiro da Universidade de Wuhan, Jau Tang , num comunicado à imprensa .


As viagens aéreas representam um fator pequeno, mas não insignificante, na mudança climática. O New York Times informou em setembro que a aviação comercial é responsável por 2,5% de todas as emissões de gases do efeito estufa, embora isso exclua os jatos militares.
"A motivação do nosso trabalho é ajudar a resolver os problemas do aquecimento global devido ao uso de motores de combustão de combustíveis fósseis para movimentar máquinas, como carros e aviões", disse Tang no comunicado.
"Não há necessidade de usar combustível fóssil no nosso projeto e, portanto, não há emissão de carbono para causar efeitos de estufa e aquecimento global".


Novo sistema pode impulsionar carros mais limpos




Referencia//Fururismo


Sem comentários:

Publicar um comentário