domingo, 2 de fevereiro de 2020

A Humanidade é o resultado de pelo menos quatro linhagens ancestrais


Novas análises de ADN sugerem que a Humanidade é fruto não só de uma, mas de pelo menos quatro linhagens ancestrais que viveram em África há cerca de 200.000 a 300.00 anos, revelou um novo estudo.
A conclusão é de uma equipa internacional de cientistas que conseguiu reconstruir na totalidade o genoma de quatro crianças enterradas há cerca de 8.000 e 3.000 anos no sítio arqueológico de Shum Laka, nos Camarões, conta o jornal espanhol ABC.



Photo Sobrehistoria

Maior praga de gafanhotos das ultimas décadas afeta África Oriental


A revista Nature, publicou recentemente os resultados de uma nova investigação que refuta um outro estudo recente que fixou as origens da Humanidade num só lugar do “continente-mãe”. O Homem moderno é resultado de grupos muito diferentes e geograficamente separados, escreveram os cientistas.

A investigação foi liderada pelo geneticista David Reich da Faculdade de Medicina de Harvard, nos Estados Unidos, contando também com a colaboração internacional dos cientistas Fox e Íñigo Olalde, do Instituto de Biologia Evolutiva de Barcelona, em Espanha. O estudo indica que existiram pelo menos quatro linhagens humanas profundas que contribuíram para as populações de hoje e que divergiram há cerca de 250 mil ou 200 mil anos, explicou David Reich, citado pela agência espanhola EFE.

As quatro linhagens localizam-se no sul, leste e centro de África, mas a quarta, que os cientistas apelidaram como “linhagem fantasma”, uma vez que não há nenhuma amostra antiga ou atual que seja 100% deste substrato. “Esta população já desapareceu, mas deixou a sua marca na espécie humana”, disse Lalueza Fox.

Estes resultados “destacam como é que a paisagem humana na África de há alguns milhares de anos era profundamente diferente do que é atualmente, enfatizando o poder do antigo ADN para revelar o passado humano por detrás dos movimento populacionais”, concluiu David Reich.



China poe de quarentena a cidade onde começou o surto de vírus misterioso


Fonte//ABC




Sem comentários:

Publicar um comentário